Facebook do Piratacast Twitter da Equipe Piratacast TV do Bau Piratacast, Diário de Bordo e Papo Pirata Feed do Site Feed do Podcast Assine no Itunes Entre em Contato

Piratacast 40 – Folclore tupiniquim

14 / ago / 2012
Papagaio Pablito


No próximo dia 22 de agosto é o Dia do Folclore (aqui no Brasil, pelo menos) então nada melhor, mais “útil” ou – no mínimo – divertido reunir Jabour_rio (@jabour_rio), Iskilo (@iskilo666) e Cleverson (@cleverson), devidamente acompanhados de Victor Caparica (@victorcaparica), do Cego em Tiroteio, e Juliano Yamada (@yamadactbageo), do Mitografias, para conversar sobre as lendas e mitos do folclore nacional, além de algumas fábulas daqui e de algumas passagens dessas “personalidades” pela nossa literatura.

Agradecimentos “especiais” ao Sr. Seu Panda (@srseupanda), do Cruzador Fantasma, que ajudou na pintura dos personagens do banner (que ficaram do balacobaco!) e a Kell Bonassoli (@kellbonassolique indicou os convidados para a gravação. 🙂

LINKS RELACIONADOS

Ouçam o Papo Lendário
Ouçam o Cego em Tiroteio
Ouçam o Papo Lendário 40 – Vira Vira Homem, Vira Vira Lobisomen
– Livro “Histórias de Tia Nastácia” [Submarino] [Saraiva]
– Livros de Monteiro Lobato [Submarino] [Saraiva]

Leia o regulamento da promoção
 

MURAL DOS PIRATAS

Opine ou conte-nos alguma experiência pessoal relacionada ao tema no espaço de comentários abaixo ou envie um e-mail para o piratacast@piratacast.com que comentaremos no próximo PAPO PIRATA, o nosso podcast de feedback da galera.

EDIÇÃO e TRILHA SONORA: Jabour_rio (@jabour_rio)

Audio clip: Adobe Flash Player (version 9 or above) is required to play this audio clip. Download the latest version here. You also need to have JavaScript enabled in your browser.


Opções de Dowload

FEEDS:
Quer ter todos os artigos do Baú Pirata e/ou os Podcasts
de forma automática direto no seu computador? Assine nossos feeds!

Categoria(s): Piratacast

24 marujos comentaram até agora...

  1. Opa! Fala pessoal! HAha, ótimo tema este, principalmente para mim. Desde 2007 sou membro da Sociedade dos Observadores de Saci http://www.sosaci.org/ e este ano estou conversando com o pessoal da ANCSaci (Associação Nacional dos Criadores de Saci). HAha, estudei Monteiro Lobato na faculdade de comunicação e hoje faço mestrado estudando cobertura de mito e lenda pelo jornalismo. Vou aproveitar esse primeiro comentário para deixar um jabá do meu site, a Revista Poranduba, onde fiz uma entrevista que tem bastante a ver com o tema do programa. É com o coordenador da Associação dos Caçadores de Assombração, um grupo de Minas Gerais que ganhou destaque na mídia ao oferecer R$ 10 mil para quem trouxesse uma foto de um monstro bem conhecido por lá, o caboclo d’água. Confiram! http://www.revistaporanduba.com.br/apresentacao/cacadores-de-mitos/

  2. Aproveito também para explicar o que significa a “dinamicidade” e da carta do folclore brasileiro que vocês tanto estranharam. A palavra remete diretamente ao livro A Dinâmica do Folclore escrito por Edson Carneiro em 1965, o primeiro a defender que o folclore não é estático, mas sim mutante e mutável, e sempre deve sofrer transformações para que continue a representar a sociedade na qual está inserido. Isto é, não se deve pensar no folclore como peça de museu, mas como coisa viva. É assim que se explica, por exemplo, o que acontece com as lendas urbanas, que são uma atualização lógica dos mitos que diziam respeito mais a uma sociedade rural e interiorana.

  3. Renan Aspira disse:

    Putz, gravamos um podcast com o mesmo tema lá no Lag! ahuahuahuuahuha

  4. Kellbonassoli disse:

    Parabéns, Piratas. A edição ficou uma lindeza com estas inserções das lendas. Também adorei ouvir as musiquinhas da minha infância, meu marido tem até hoje uma cassete com cantigas de roda (acho que era brinde do Mucilon, ou algo assim). Ah, eu só indico gente foda ^^. O Yamada e o Capa arrasaram, sou fã dos meus amigos, todos nerds, claro. ^^
    Aliás, ceis sabem como cego pede cerveja no bar?

  5. Lucas Amura disse:

    Sensacional o podcast! Fez-me remeter a muitas lembranças de minha infância, quando tv em cores não existia, todos ouviam rádio-novelas e as histórias e lendas eram contadas pelo meu avô depois do jantar.
    Parabéns!

  6. Fala piratas, vcs cometeram um grande erro durante o cast. Por volta de 1 hora e 17 minutos vcs dizem que o boi garantido e caprichoso são do Rio Grande do Norte, mas na verdade é daqui do Amazonas. A cidade vcs acertaram, Parintins.

    • iskilo666 disse:

      Caraca, vou ter que reouvir o cast para ver se tem isso mesmo, mas eu sei sim que a Festa do Boi é em Parintins no AM. Tenho até conhecidos de lá que já me convidaram para conhecer.

      Mas eu acho que eu falei do RN quando me referia a lenda do Boi, pois lí em alguma fonte que nasceu no RN, e depois foi migrando para a região Norte, e se tornando mais misteriosa.

  7. Ahoy Piratas!!!
    Muito bom esse podcast sobre folclore!
    Acho q Parintins fica no Amazonas, rs. Eu sou do movimento de forró pé de serra e tem uma música do genival lacerda q fala sobre o curupira e o caipora.
    deem uma olhadinha:
    http://www.youtube.com/watch?v=OwIit9fW5fg

  8. Fala pessoal do Piratacast, tudo bom?

    Já tinha recebido recomendações sobre vocês, mas sabe-se lá qual acidente eu tive com o meu feed que eu nunca tinha escutado. Enfim, injustiça desfeita, escutando agora!

    Muito bom o cast sobre fábulas, achei mega informativo e foi muito legal a relação que vocês fizeram com Monteiro Lobato. Gostei também da edição, ficou ótima!

    É isso, ótimo trabalho e pode deixar que vocês ganharam mais um ouvinte que vai tentar comentar em todos os episódios!

    Abraços pra vocês e sucesso! 🙂

  9. FrankCastle disse:

    Fala aí pirataiada!
    Muito legal o episódio. Acho muito interessante o Folclore brasileiro. O caso mais inusitado que fiquei sabendo (e acho que é verdade) é sobre a festa em Parintins, onde a Coca-Cola “teve” que fazer uma lata azul (por causa dos torcedores do Boi Caprichoso):

    http://uniclasse.wordpress.com/2011/01/12/paritins-a-unica-cidade-do-mundo-que-tem-coca-cola-azul/

    Achei isso muito foda, já que a Coca-Cola preza por uma certa tradição em sua cor e acabou mudando isso. (é claro que, no final das contas, tudo isso é visando lucro e nada mais).

  10. D. disse:

    Parabéns pessoal, Marujo novo nesse barco furado que está ainda se atualizando. Por hora só elogios à essa pirataiada véia.

  11. aLx disse:

    Grande programa, Flibusteiros! Parabéns!
    .
    Também cresci com estes mitos para nos proibir de fazer algumas coisas como proibir de ficar trocando de canal enquanto chovia!
    .
    Isso, segundo a lógica, é que a antena podia puxar um raio enquanto mudava a captura de um canal para outro.
    .
    Minha avó cobria os espelhos quando começava a chover.
    .
    Agora, minha cabeça explodiu por saber que tanto a Mula Sem Cabeça quanto o Lobisomem são filhos de mulhers que se deitam com padres!
    .
    OS DOIS SÃO IRMÃOS??? É ISSO??? ((OO))
    .
    E duas coisas que eu fazia:
    1º. Eu amarrava um “fio” de palha quando perdia algo para o Saci devolver. Funcionou umas vezes, outras não.
    .
    2º. Travei muito cachorro com dedinhos cruzados, e não só cachorros de ruas que tinham os cocôs ressecados (nem quero saber onde o cidadão adquiriu estes conhecimentos! deve ser grande observador de cocozes cachorrídeos).
    .
    Abraços.
    .
    Valeu por mais um grande programa!
    .
    aLx

  12. Morbeck disse:

    Olá marujos, esse tema não me interessa muito, mas está presente na minha vida já que a família de minha mãe é do interior e eu já ter ouvido algumas histórias como por exemplo um tio meu que passou por baixo do cipó da caipora e ficou perdido, minha mãe disse que o pessoal chamava ele e ele meio que ouvia esse chamado do lado contrário, ouvi também essa história do sétimo filho de uma família só com filhas ser lobisomen, são poucas histórias que eu conheço até por que nunca gostei muito de coisas “fantásticas”, por que querendo ou não, ouvir histórias de curupira e caipora e ouvir histórias de fantasma me deixavam com medo do mesmo jeito rs

    Acho legal essa mistura que o Monteiro Lobato fez no Sítio do Pica Pau Amarelo, nunca li, mas via na tv e achava bacana.

    Acho legal as fábulas e seus ensinamentos e uma das que eu mais gosto é a da “gaiola de ouro”, que não é o nome de algo específico, mas é a ideia da coisa, eu lembro de ter tido contato com ela muito antigamente e ter tido novamente já um pouco mais velho (mas isso eu ainda sendo jovem) vendo um desenho bem infantil (é legal também pensar esse trans-mídia da coisa). Então, resumidamente, no desenho eu lembro de um morcego que queria conforto e ele queria ser adotado por uma pessoa rica da vila, ele foi adotado e colocado dentro de uma gaiola de ouro e lá ele tinha o conforto que ele queria, mas não tinha mais liberdade.

    Não tenho muito o que falar hoje, mas é isso, até que gostei do cast apesar de não me interessar muito pelo tema.

  13. rafael Taira disse:

    tema muito inovador. gostei muito. bem consistente.
    nunca tinha ouvido sobre esse tema antes. sao poucos os podcasts falando de cultura brasileira.

  14. Leonardo Godinho disse:

    Esse assunto me lembrou um que tive de procurar para a escola de minha filha – Folclore e mitos de minha cidade e tem cada coisa… Morri de rir. Aqui tem até um túnel do Castela ao forte da cidade.
    …Ou não.

    • Leonardo Godinho disse:

      Esqueci de mencionar… Minha cidade é Macaé – RJ.

      Uma parte da lenda…
      Muitas lendas e fatos foram ditos sobre o então “Castelo”, como os muitos gritos que eram escutados e o fantasma que subia a ladeia em um cavalo branco e cavalgava dentro da escola, também a mulher que sempre aparecia nos banheiros. Mas, dentre todos os fatos, o real revelado é que existia uma passagem secreta que ligava o Solar ao Forte Marechal Hermes. A diretora da escola, hoje da Faculdade irmã Maria Lea Ramos, nunca confirmou esse fato, mas a irmã Joana conta que existe, mas a pedido do Forte, logo após a compra do Solar o túnel foi lacrado, nunca sendo utilizado.

  15. Ednaldo disse:

    Muita interessante o Cast, nem sabia que pra pegar saci tinha que fazer um redemoinho, vou ver se pego um e aviso pra vocês. kkkkk Abraço.


    .
    .
    .
    .
    .
    .
    .
    .
    .
    .
    .
    .
    .
    .
    .
    .
    .
    .
    .
    .
    .
    .
    .
    .
    .
    .
    .
    .
    .
    .
    .
    .
    .
    .