Facebook do Piratacast Twitter da Equipe Piratacast TV do Bau Piratacast, Diário de Bordo e Papo Pirata Feed do Site Feed do Podcast Assine no Itunes Entre em Contato

Papo Pirata 26

1 / jul / 2011
Papagaio Pablito


No episódio 26 do Papo Pirata – estranhamente – Iskilo (@iskilo666) e Junior (@junior_cq) , devidamente acompanhados de Virginia (a Sra. Junior) e Fabiano Loureiro – O moderador – (@fabianoloureiro) do Cidade Gamer, comentam sobre o que aconteceu no mês que passou aqui no Baú, além de dar o feedback dos comentários que rolaram no Papo Pirata 25, Piratacast 26 – Relacionamentos e Diário de Bordo 05 – É o que tem pra hoje...

Papo Pirata é a forma que encontramos para interagir com os ouvintes do Piratacast e do Diário de Bordo. Nele, discutimos a repercussão dos últimos episódios, lendo os e-mails e comentários sobre os podcasts anteriores, além dos erros de gravação desse e dos podcasts passados. Comente nos nossos podcasts ou envie um e-mail para o piratacast@piratacast.com e ajude-nos a fazer a pauta do próximo Papo Pirata!

LINKS RELACIONADOS: [Em breve… Ou não!]

– Lista PodcastBR no [GoogleGroups]
– [Piratacast] na [WikiCast]
– [Na Calçada]
– [Internet Discada]
– [Casa dos Dragões]
– [Gurias Nerds]
– [Papo de Gordo]
– [NowLoading]
– [MetaCast]

EDIÇÃO E TRILHA SONORA:

Junior (@junior_cq)

Audio clip: Adobe Flash Player (version 9 or above) is required to play this audio clip. Download the latest version here. You also need to have JavaScript enabled in your browser.


Papo Pirata 26
Download MP3 64k
Download ZIP 128k

Quer ter todos os artigos do Baú Pirata e/ou os Piratacasts de
forma automática direto no seu computador? Assine nossos feeds!

Categoria(s): Papo Pirata

20 marujos comentaram até agora...

  1. Baixando e se Deus permitir volto depois para comentar um abraço a toda tripulação.

  2. Diogo Lopes Bastos disse:

    Parabéns Piratas, o Papo Pirata ficou na medida certa, dividindo as leituras pelos programas, a Virgina e o Junior fizeram falta realmente no Piratacast 26.

  3. Ola piratas!

    Sempre é bom ouvir um feedback e um comentario de voces. Sobre esse assunto, vi como um feedback é realmente importante quando criei meu podcast. Estou muito feliz, por em quanto tenho 3 ouvintes e 3 comentarios hehe.

    No caso das leituras de emails eu nao me importo, porque se eu baixar um episodio de um cast novo e ouvir os emails provavelmente vou baixar o anterior e assim sucessivamente.

  4. Otavio - São Bernardo do Campo disse:

    Fala ae Pirataida,
    Com relação à pergunta sobre qualidade de som x qualidade do “papo”, penso que deve rolar um equilíbrio. Mas não consigo, mesmo com tema e discussão legais ouvir um cast com péssima qualidade de som, edição e até mesmo alguns cast onde existem abusos das vírgulas sonoras. Por exemplo, alguns episódios do DD11 não consegui terminar de ouvir, mesmo gostando muito do papo …
    Abraços.

  5. Maick Costa disse:

    YO-HO E UMA GARRAFA DE RUM,

    Essa estrutura, de um novo cast para somente dar feedback aos ouvintes, para mim é a melhor pois só quem quiser realmente escutar um cast de feedback vai ouvir. Por vezes, uma discussão maior pode ser desenvolvida. Parabéns!

  6. Carol disse:

    Gostaria de fazer um desabafo com vocês. Sofro de uma problema e vocês de certa forma me ajudam com o bom humor do piratacast. Sofro de fobia social e não saio de casa por nada, ninguém me entende e é muito difícil encarar as pessoas de frente. Conheci vocês por intermédio do Rapadura Cast e me mijo de rir com todos os episódios, o Jabour é muito esculachado e isso faz dele muito divertido, o Junior e o Skilo tbm são foda demais. O que quero dizer com esse email é que vocês e alguns outros podcasts que ouço estão de certa forma me ajudanto com suas histórias engraçadas a dar um up na minha vida e a alegrando a cada episódio. Continuem com esse ótimo trabalho e obrigado por existirem. Desculpe escrever esse desabafo aqui é que queria que soubessem o quanto o rapadura e o piratacast são importantes pra mim.
    Passei meu email e nomes errados pois não gostaria de me identificar já que tenho pessoas na família que tbm ouvem o piratacast.
    Beijos a todos

  7. André Zuil disse:

    Caramba Galera, no meio da conversa ouço um comentário meu e eu nem lembrava que havia comentado, Dîlíça total!! ;D Só pra constar, não que importe, quem liga… mas os ingressos da promoção foram para minha irmã e cunhado por 2 motivos: 1º Eu já tinha assistido no cinema / 2º Eu achei o filme bem fraco, ruinzão mesmo, mas ñ iria desfazer deles já que eu tinha ganhado de vocês e seria uma sacanagem deixar os ingressos mofando (como já fiz com outros q ganhei em outros sites, mas não conta pra ninguém).
    Discutir PODCAST, não importa qual aspecto referente ao programa, sempre será motivo de muita discussão, pois todos ouvintes tem uma opinião, tem sugestões e gostaria de contribuir para que a mídia como um todo melhore, isso só acontece no mundo podcastal, nenhuma outra mídia recebe esse feedback tão espontâneo e tão carinhoso, sim, carinhoso porque as pessoas se apegam tanto a companhia do podcast que a relação “podcaster/ouvinte” se torna de amizade, mesmo que um dos lados nem saiba da existência do outro, bem, ao menos funciona assim comigo.
    .
    #RespostaDoDia: Como o Junior disse, é um 50/50, Qualidade de áudio atualmente é fácil de se conseguir, mais qualidade no debate é mais difícil, porque envolve aquele complexo sistema: pessoas, é no entrosamento da equipe e com seus convidados q se forma a magia da coisa, até pq, podcast de uma pessoa só é um saco.
    Na minha visão, podcast BOM é aquele que me diverte e trás informação, o áudio ser bom é, generalizando, meio q uma consequência, porque o podcaster sempre quem o melhor para seu produto, logo investi nisso e esse investimento, quase sempre, é em equipamentos para melhoria de edição e áudio.
    .
    Sobre o cast dos namorados, no meu caso, demorou pra Bianca pegar o ponto das minhas piadinhas, das sacaneadas, da ironias que eu solto, lá nas primeiras DR’s (ela mesmo me disse) ela me achava meio imbecil, mas depois de um tempo, ela percebeu q era meu jeito brincalhão e idiota #RisosConstrangedores, hoje ela agregou um pouco desse meu estilo de piadista nela mesma, no começo ela era super séria, agora zuamos um ao outro de forma engraçada, com piadas sacanas mas q a gente entende e nos diverte, fazemos piadinhas internas na frente dos outros, só pra eles ficarem boiando mesmo, ela já pega até as piadinhas q eu faço com expressões do rosto, olhares sacanas de zoação e desconfiança, é aquele famoso “equilíbrio natural” que o casal pega depois de um tempo, espero que a gente não mude, SE, acontecer de casar.
    .
    #MomentoMimimi: o Jabour faz falta mesmo no podcast, ele e suas vergonhas alheias é complemento espontâneo/bem humorado mais engraçado dos podcasts que eu ouço.
    .
    Por hoje é só, eu sei que ficou gigante, mas sempre é gigante.
    Grande abraço

  8. RenanAspira disse:

    Fala Paragua…Piratas!

    Ainda falando sobre o assunto dos comentários/e-mails. Quando um podcast lê meu comentário me sinto mais disposto a comentar. Aconteceu isso no Lagcast, no Tabernacast, no JWave e até aqui. As vezes nem liam meu comentários mas mandavam um abraço pra galera que comentou, dizendo nome por nome, o que vale o mesmo que ter o comentário lido. Então, creio eu, que uma “seção” de abraços durante a leitura dos e-mails pode fazer um ouvinte comentar mais e ouvir a leitura de e-mail, sendo ela antes ou depois do cast. No caso de vocês, em que os comentários tem um programa próprio, creio eu que quem ouça o programa normalmente comente e tenha algum comentário lido, o que faz um “seção” de abraços ser dispensável.

    Sobre a luta do som contra o conteúdo, para mim o som tem que ter uma qualidade minima, menos que isso se torna incomodo ouvir, mais que isso pode deixar o podcast muito melhor. Mas o conteúdo sempre vem primeiro, se o som estiver acima do minimo. Resumindo: Se o som não incomodar, o conteúdo é mais importante.

  9. Nerdanderthal disse:

    O Júnior não pode participar do PirataCast #26, em compensação contou toda sua história de relacionamento com a Sra. Júnior nesse Papo Pirata.
    Adorei conhecer a Virginia.
    Ri muito com suas declarações e trollagem com o Jr.
    Valeu mesmo, afinal “roupa suja se lava em cast”
    Piratada, sei q tô devendo. Melhorei da pseudo-pneumonia e estarei apto logo, logo.
    Abração

  10. Lucas Yassumura disse:

    Salve, nobres piratas!

    Podcast gigante, mas valeu a pena ouvir. Assim como o Kio Caio Cesar comentou no Papo Pirata passado, eu também coloco os podcasts de menor duração na frente.

    Meu trajeto para o trabalho dura, em média, uma hora para ir e outra para voltar, o que me dá um total de pelo menos dois podcasts por dia para ouvir.

    Sobre a questão dos jabás/propagandas nos podcasts, acho muito criativa a forma como o Guanabara fez nos últimos Guanacasts. O programa é dividido em blocos, entre cada um deles entram o Guanabara e a Elaine para falar do patrocinador, mas de uma forma muitas vezes hilária.

    Não cansa o ouvinte e de alguma forma ele faz os cortes em pontos que não prejudicam a ligação de um bloco no outro.

    Mas sobre comentários em geral, ainda continuo com a mesma posição que dei alguns Papos Piratas atrás:

    Por causa do Podcasteiro, minha lista no iTunes subiu para mais de 90 podcasts e nem sempre consigo tempo para comentar em todos os que escuto.

    Então faço questão de dar um pageview para o site e se ele tiver o botão “Curtir” do Facebook, pelo menos vou clicar lá.

    Agora com o Google+ talvez até exista uma outra forma de provar que ouvi o podcast, gostei, visitei o site e o estou indicando. É esperar para ver se isso vai funcionar ou vai virar mais um GoogleWave. (Mas se funcionar, tem potencial!)

    Respondendo à pergunta qualidade de som x conteúdo: ambos são importantes. Já deixei de ouvir podcast com conteúdo ótimo, porque simplesmente não conseguia entender o que as pessoas falavam.

    O contrário acontece com muito mais frequência! Geralmente interrompo os podcasts que têm um som excelente, mas com edição pobre, dinâmica tosca e conteúdo sem criatividade.

    Na minha mais modesta opinião, podcast é uma ferramenta poderosa atualmente. Sabendo usar e fazer, pode-se ensinar e compartilhar muitas experiências com ele, da mesma forma que divertir, entreter e – por que não? – fazer amigos!

    Então tem que haver um equilíbrio obrigatório entre qualidade de conteúdo, de som, de edição etc.

    Parabéns pelo ótimo programa!

  11. @brenomgt disse:

    Olá pessoal, sobre o tamanho do piratacast eu acho que 1:30 é mais que suficiente. Piratacast deve ser com a maior média que acompanho.

    Sobre fazer comentários, acho complicado porque geralmente escuto nas idas e vindas e não estou frente do PC.

    Continuem o bom trabalho.

    PS: Esquilo de host sucks.

  12. Renan disse:

    Fala piratas!
    Gosto de programas de uns 40 minutos, mas não vejo problema em programas mais longos.
    Sobre a leitura gosto bastante da maneira que fazem, pois vcs realmente interagem com os e-mails e comentários, por isso o piratacast é o único que faço questão de ouvir o bloco, já considero ele como parte do tema.
    Na verdade passei só para dar os parabéns pelo podcast que é muito bom. Gosto da maneira que tratam os ouvintes e da sinceridade que passam ao falar sobre os assuntos em geral.
    VLW

  13. Olá Olá Marujos de perna de pau e tapa-olhos.
    Primeiramente dizer muito obrigado pelo jabá, emendando em seguida que foi mais um ótimo cast.

    Abraços!

  14. Salve, pirataiada.

    Reforço a opinião de que Júnior e Virgínia fizeram muita falta no Piratacast anterior.
    Ri muito com as trolladas da Virgínia pra cima do Jr.

    Abração.

  15. Danilo Luiz disse:

    Sei que estou atrasado e ainda nem terminei de ouvir o cast (ouço neste momento). Gostaria de comentar a respeito do negócio de pular alguns casts.

    Por exemplo, apesar de nerd/geek e tal, nunca assisti Lost e pela decepção das pessoas pelo final, fico contente em não ter assistido.

    Um dos motivos que me levou a ouvir outros podcasts, também foi que já ouvi todos Nerdcasts pelo menos umas 3 vezes, exceto os de Lost. Não ouvi nenhum Nerdcast de Lost, só a leitura de e-mails.

    Falando nisso, gosto muito do formato do Piratacast / Papo Pirata / Diário de Bordo. Porque o Piratacast apesar de poder ficar um pouco datado, mostra o tema em si e fim de papo. Já o Diário de Bordo e Papo Pirata acabam ficando datados e não é muito legal quando você começa a ouvir o programa depois de alguns anos. Pelo menos o Papo Pirata não fica tão datado quanto o Diário de Bordo, aliás o que gosto deste programa é que mostra o contra-ataque dos ouvintes, por assim dizer.

    Quanto ao tempo de programa, depende do quanto conheço um podcast. Se é um podcast que nunca ouvi, vou querer algo mais curto, para me acostumar com a voz de todos os participantes. Quando já conheço, nem ligo se tiver 2h e meia para escutar. Ouço podcasts no trabalho e na volta para casa, não há nada que o botão pause não resolva. Como comentei outro dia com alguém, se faço uma tarefa muito repetitiva, ouço podcasts numa boa, se preciso pensar, dou um pause, respondo o e-mail ou falo com quem tenho que falar e despauso depois.

    Vocês estão de parabéns! Até me inspiraram para gravar um podcast… ano que vem espero conseguir. No momento estou fazendo TCC, não dá para gravar e editar um podcast/videocast.

    Continuem assim.. e por favor.. Piratacast 29 – Merda Acontece!!! =D

  16. AHhaha, galera, sei que já passou a época desse cast, mas essa do Junior perguntando se a Vana fez redução do estômago foi FODA! HAHahha, rachei!


    .
    @jabour_rio, @iskilo666, @junior_cq,
    @cleverson, @piratacast, @baupirata