Facebook do Piratacast Twitter da Equipe Piratacast TV do Bau Piratacast, Diário de Bordo e Papo Pirata Feed do Site Feed do Podcast Assine no Itunes Entre em Contato

A-HA, U-HU, O Maraca é Nosso!!!

19 / jun / 2009
Convidado Pirata


A ida ao Maracanã é algo religioso pra mim. Nem me lembro a primeira vez que fui (sou péssima pra datas), mas sei exatamente a sensação pela qual toda vez que eu vou: A emoção é a mesma. Acho que todo mundo deve experimentar essa sensação e sempre convido as pessoas a irem ao estádio pelo menos uma vez na vida. Hoje vou dar algumas dicas e contar algumas coisas que rolam no estádio mas saibam que minha “fonte” é o Maracanã, “Minha casa”. Tenho várias amigas que não vão ao estádio por medo da violência, mas eu acho besteira porque sabendo como se comportar, você não passa sufoco. Em dia de jogo eu acordo de manhã e já vejo se vou com a torcida ou vou sozinha. Como moro próximo ao Maracanã, a maioria das vezes vou sozinha. Só apareço na sede pra ir com a torcida quando é clássico e tem alguma confraternização. Resolvi então fazer um guia de como ir ao estádio e não se aborrecer:

  • Assim que eu decido ir sozinha ou com as amigas, é hora de pensar na roupa. A questão é: “Vou com ou sem emoção?” Sem emoção seria vestida de “povão”, roupa comum ou de camisa do Flamengo. Com emoção seria vestida com roupa da torcida organizada, o que é melhor e mais divertido. Adrenalina a MIL! Já perdi a conta de quantas corridas já levei por estar uniformizadas de torcida organizada.
  • Um detalhe importante também na roupa pra ir ao estádio é: NADA DE ROUPAS INDECENTES. Shortinhos curtos e justos, mini-saias, sapato alto e tamancos exagerados não são roupa de estádio. Se você quer respeito num ambiente onde os machos são maioria, melhor se impor do que passar por uma qualquer. Vista uma bermuda, um tênis, a blusa do seu time ou da sua torcida e divirta-se bastante sem se aborrecer com homem faltando com o respeito a você.
  • Outro detalhe importante é: NADA DE DESFILAR DE IPHONE NO ESTÁDIO, NERD! Evite relógio, câmera digital, celular, cordão. Sempre fui com eletrônicos no bolso e nunca fui assaltada no Maracanã, mas eu tive SORTE! Não conte sempre com a sorte pq ela pode não estar disponível pra você.
  • Na chegada ao estádio (que deve ser umas 2 horas antes do início do jogo), se você não tem ingresso, vá direto na bilheteria e compre o seu. PELO AMOR DE DEUS, não compre ingressos com cambistas. Está cada dia maior o número de ingressos falsos, e você não quer ficar do lado de fora, né?
  • Dentro do estádio, se você quer assistir mesmo o jogo, o melhor é ir pra arquibancada mista do povão (aqui no Maracanã é a arquibancada branca), onde os torcedores assistem o jogo sentados. Eu não gosto muito de assistir nessa área porque é onde fica a maior concentração de corneteiros por metro quadrado (corneteiros são os torcedores que reclamam o jogo todo, vaiam o time, ENCHEM O SACO!). Mas se você estiver a fim mesmo de torcer, cantar músicas de torcida, fazer coreografias com as mãos, assistir o jogo em pé, ter uma bandeira de 4×5 metros tremulando na sua frente e ser abraçada por 10 pessoas estranhas na hora do gol, vá pra arquibancada da torcida organizada.
  • Se seu time não estiver perdendo no primeiro tempo e você não estiver engasgado com ele, você tem 15 minutos pra tomar uma cervejinha SEM ALCOOL (está proibido por lei a venda de alcool no estádio e nos arredores) e um cachorro-quente da GENEAL que é só pão, salsicha e 1 sachet de mostarda e 1 de catchup. Por isso, minha dica: Já chegue no estádio alimentado e alcoolizado.
  • E meninas, não se espantem: os meninos fazem xixi em tudo quanto é parede do estádio, menos dentro do banheiro. Agora isso está um pouco melhor porque o GEPE (Grupo Especial de Policiamento de Estádios) está “educando” os cachorrinhos.
  • Quando estiver faltando 10 minutos pra terminar o jogo, principalmente se o seu time estiver perdendo, NÃO SAIA DO ESTÁDIO. Foi numa dessas que muita gente perdeu o lendário gol do Petkovic. Você foi pra ver o jogo, não foi? Então fique até o final. Aguarde o jogo terminar, dê uns 5 a 10 minutos e saia. Não vá embora sozinho e evite caminhos onde pode haver um possível conflito de torcidas organizadas.

Faça o possível pra que esse momento mágico não seja estragado por algum inconveniente e guarde pra sempre a emoção de assistir a um jogo do seu time de coração num estádio lotado de apaixonados como você.

———————————————————————–

À partir dessa semana colocarei algumas observações sobre coisas que estão acontecendo no futebol. Darei o nome de curtinhas. Então vamos pras curtinhas dessa semana.

– E o Palmeiras, hein… Vanderlei achou que ia avançar na Libertadores escalando o Obina? Tsc…

– Roberto Carlos (aquele da meia) está despertando interesse do Palmeiras, mas é com o Fluminense que ele vai se reunir hoje.

– Flamengo tentando a contratação de vários gringos: o meia-atacante paraguaio naturalizado boliviano Pablo Escobar (Santo André) e dos colombianos Perea (Grêmio) e Macnelly Torres (Colo Colo). Dos 3 alvos, quem mais tem possibilidade de aparecer na Gávea nos próximos dias é Pablo Escobar. Tô com medo!

Meu nome é Valéria, sou rubro-negra e arquibalda com muito orgulho.

Todas às quintas vocês acompanharão um ponto de vista femino sobre futebol. Não farei “Mesa redonda” com os resultados da rodada… Pretendo trazer o que acontece de mais curioso e inusitado em um jogo, seja no gramado, arquibancada ou na sala de TV. Até semana que vem!

Categoria(s): Arquibalda

3 marujos comentaram até agora...

  1. .
    .
    .
    Muito bom, Valéria… Eu não sou muito ligado em futebol há tempos. Parei de acompanhar o Flamengo por me decepcionar. O mengão agora só ganha estadual e embora seja bom trucidar os vascaínos, Campeonato Braileiro é que vale mesmo… O resto é "torneiozinho".
    .
    Até 1992 eu torcia muito e cheguei inclusive a ir na final do Campeonato Brasileiro onde o nosso mengão sagrou-se campeão em cima do Botafogo… Pra quem não lembra foi quando a arquibancada cedeu com parte da Raça Rubro Negra e uma galera caiu lá embaixo na Geral… Bom.. Mesmo com todo perrengue passado naquele dia, valeu a pena… Ver um gol no maracanã é inesquecível!
    .
    .
    .

  2. Valéria Fla disse:

    É inesquecível mesmo, Jabour.

    Eu acho que todo mundo deveria ir, pelo menos uma vez na vida ver seu time de coração jogar ou só pra ver o espetáculo mesmo.

    Já fui em tantos jogos que não eram do Flamengo só pelo clima…

  3. Francesca disse:

    Olá Valéria. Adorei o seu "artigo". Sou mais q apaixonada pelo Fla e estarei indo, pela primeira vez, ao Maraca neste Domingo (06/12) e espero que seja o domingo mais feliz da minha vida. Adorei as dicas ref. ao estádio pois tenho mto receio de chegar lá e ficar perdida..rs
    Um abração


    .
    .
    .
    .
    .
    .
    .
    .
    .
    .
    .
    .
    .
    .
    .
    .
    .
    .
    .
    .
    .
    .
    .
    .
    .
    .
    .
    .
    .
    .
    .
    .
    .
    .